Íntegra: Quando a aposta vira obrigação

Corridas de cavalos 561190

O vício inerente: Fronteiras materiais, simbólicas e morais nas apostas do turfe. The inherent vice: material, symbolic and moral boundaries in the bets of the turf. Palavras-chave: Turfe, vício, jogo, apostas, estigma. Abstract: Despite the popularity of betting practice in the turf this activity points to a moral boundary that exists in its daily life. During horseracing an alert signal is constantly triggered to the limits that each individual has with the bets. Here, one tries to understand how the category addiction [in the game] is imputed of stigmatizing and accusatory values, in two different spaces. The first is organized for betting in comparison with other spaces where the abstinence of this activity is predicted. I refer here to gambling houses and regular meetings of self-help groups called Gamblers Anonymous. The comparison seeks to understand the disputes about the moral of the game as a field in the mold of Bourdieu from the construction of narratives that will present the game as a more or less dangerous activity.

Em destaque

Prolongou a carreira até meados da decênio de , a alinhar por equipas das divisões inferiores do futebol inglês, até que decidiu pendurar as chuteiras. O que fazer depois? Seguir uma carreira de treinador, como muitos ex-futebolistas? Os cavalos e, mais concretamente, as corridas de cavalos. Comprou o o seu primeiro cavalo quando a sua carreira de futebolista ainda estava no auge, em , por libras. Uma égua de nome Cathy Jane que viu vencer três corridas. Começou por ter dez cavalos. Em , os seus cavalos termiaram a temporada com vitórias, superando pela primeira vez na carreira a marca dos triunfos e tornando-se num dos mais respeitados treinadores de cavalos de corrida do Reino Unido.

Pré-publicação

Quanto mais perdem, mais jogam na tentativa de recuperar o que perderam. A seguir leia a íntegra da entrevista com Tavares. Tavares - Imagine você jogando. Você vive em permanente ansiedade.

Leave a Reply